Saúde dos olhos: conheça os principais problemas que podem afetar sua visão

Saúde dos olhos: conheça os principais problemas que podem afetar sua visão

Muitas doenças podem comprometer a saúde dos seus olhos.

Para evitá-las, esteja atento a alguns sintomas que podem indicar que algo está errado com os seus olhos.

Diante desses sinais procure um oftalmologista o quanto antes.

E mesmo que tudo estiver aparentemente bem, faça exames regulares e garanta a saúde dos seus olhos.

Fique atento para:
– excesso de lacrimejamento;
– visão dupla;
– a luz da tela da TV começa a incomodar os olhos;
– dificuldade em ver cores e detalhes e necessidade de cerrar os olhos para focar a visão;
– vermelhidão constante nos olhos e necessidade de esfregá-los com frequência;
– dor de cabeça ou nos olhos, frequente;
– mudanças frequentes nos graus do óculos; e
– desvio dos olhos para o nariz ou para fora.

Olhos

Conheça as doenças mais comuns que podem afetar seus olhos:

Conjuntivite – é a inflamação da conjuntiva, uma membrana que recobre as pálpebras e os olhos.

Se for viral ou bacteriana, ela é contagiosa.

A conjuntivite alérgica não é contagiosa, mas incomoda pela coceira constante nos olhos.

Catarata – caracterizada pela lesão ocular que causa opacidade do cristalino (lente natural dos olhos que tem como finalidade focalizar as imagens na retina).

Com o passar do tempo, a visão pode ser afetada pela catarata progressivamente, de forma parcial ou total, impedindo a pessoa de enxergar.

Através da cirurgia é possível revertê-la.

Glaucoma

O glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível no mundo.

Na fase inicial não apresenta sintomas, quando as pessoas percebem a perda da visão periférica, a doença já está em estado avançado. O tratamento, na maior parte dos casos, é clinico.

Em alguns casos é recomendada a cirurgia, para que a doença pare de avançar, porém, a visão perdida não é recuperada.

Outros problemas

Miopia e hipermetropia – ocorrem quando a pessoa apresenta um defeito anatômico nos olhos.

Na hipermetropia a imagem trazida pela luz se forma depois da retina, fazendo com que a pessoa tenha dificuldade para enxergar de perto.

Os olhos das pessoas com miopia possuem um formato mais alongado ou má formação das córneas ou cristalino, de maneira que a imagem da visão se forme antes da retina.

Isso faz com que essas pessoas tenham dificuldade para enxergar de longe.

Astigmatismo – a córnea tem formato irregular, fazendo com que as imagens luminosas sejam focalizadas em dois pontos separados na retina, ficando distorcidas.

A visão de quem tem astigmatismo é semelhante à de alguém que vê uma imagem borrada.

É corrigido com lentes de óculos “cilíndricas”.

Estrabismo – distúrbio que afeta o paralelismo entre os dois olhos, que apontam para direções diferentes.

Estrábicos enxergam com menor senso de profundidade, portanto, o cérebro só interpreta uma imagem porque ignora a imagem recebida pelo olho com problema. Quando o estrabismo não é corrigido com óculos, é indicada a cirurgia.

Descolamento da retina – ocorre quando o vítreo é encolhido, causando o desprendimento parcial ou total da retina com o globo ocular.

Causa incapacidade de enxergar com pouca luz e surgimento repentino de manchas flutuantes no campo de visão.

Para reposicionar a retina nos olhos é necessária uma cirurgia.

Retinopatia – associada a doenças sistêmicas, são lesões que atingem a retina e seus vasos sanguíneos.

A retinopatia pode levar à perda da visão e precisa ser tratada antes de o problema evoluir.

Para preservar a saúde dos olhos, o tratamento pode envolver uso de colírios e cirurgia.

Fontes: Blog da Saúde/Ministério da Saúde; Conselho Brasileiro de Oftalmologia; Agência Saúde; Consulta do Bem; e Ativo Saúde.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.