fbpx
WEPs Brasil 2021: Grupo Cene alcança categoria máxima em prêmio internacional de igualdade de gênero

O Grupo Cene foi reconhecido, na última segunda-feira (21), na categoria Diamante do Prêmio WEPs Brasil/2021 – Empresas Empoderando Mulheres.

A premiação, que significa Princípios de Empoderamento das Mulheres, em inglês, está em sua quarta edição no Brasil e é promovida pelo Programa Ganha-Ganha: Igualdade de Gênero Significa Bons Negócios, parceria entre a ONU Mulheres e a Organização Internacional do Trabalho (OIT), com financiamento da União Europeia.

O prêmio acontece no Brasil e em toda América Latina e Caribe e tem como objetivo reconhecer empresas compromissadas com a igualdade de gênero. Em suas edições anteriores foram reconhecidos os trabalhos de diferentes companhias, como a Unilever, agraciada na categoria Diamante, em 2019.

WEPs Brasil 2021

Na premiação, as companhias recebem troféus na categoria Menção Honrosa, Bronze, Prata e Ouro, conforme os diferentes tamanhos das empresas (grande porte, médio porte ou pequeno porte). A escolha das companhias incluiu análises de avaliação e a consolidação dos resultados pela Comissão Técnica. A proposta de reconhecimento das finalistas é submetida a uma Banca de Juízas composta por diferentes profissionais voluntárias especialistas em equidade de gênero e negócios.

Nas três últimas edições, o Grupo Cene foi contemplado com Ouro na categoria empresa de médio porte, e nesta edição foi contemplado com o Diamante, reconhecimento máximo do Prêmio WEP´s. Para a presidente da empresa, Sueli Noronha Kaiser, o prêmio é também de todos os colaboradores e colaboradas do grupo. “Obrigada família Cene, estou muito feliz e emocionada mesmo. Quero agradecer vocês com todo meu carinho”, disse a fundadora do Grupo Cene.

Mais igualdade é bom para os negócios

O empoderamento econômico das mulheres é uma das chaves para o desenvolvimento sustentável e para um mundo mais igualitário – e uma ação necessária para o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), da Agenda 2030, estabelecida em 2015 pela ONU para erradicar a pobreza, proteger o planeta e garantir que as pessoas alcancem a paz e a prosperidade.

Estimular a igualdade de tratamento entre mulheres e homens no ambiente corporativo e na comunidade é a coisa certa a se fazer. É bom para os negócios, pois resulta no aumento da produtividade e satisfação das colaboradoras e colaboradores, na melhoria do clima organizacional, no fortalecimento da imagem institucional, na atração de investimentos, profissionais de excelência, consumidoras e consumidores.