Meio Ambiente: sete dicas para você ajudar na redução dos impactos negativos

Meio Ambiente: sete dicas para você ajudar na redução dos impactos negativos

No dia 05 de junho comemoramos o Dia Internacional do Meio Ambiente e, pensando nisso, separamos sete atitudes simples, que podem ser realizadas diariamente, para reduzir o impacto negativo no meio ambiente. 

 

1 – Não desperdiçar água 

A água é um dos mais preciosos recursos naturais, por isso é importante que utilizemos de forma responsável, evitando desperdícios. 

Atitudes simples podem evitar o desperdício, como a redução do tempo de banho, fechar a torneira ao escovar os dentes, reutilizar a água da máquina de lavar para limpar quintais e ficar atento a possíveis vazamentos de canos. 

 

2 – Economizar energia 

No Brasil, praticamente toda a energia distribuída é gerada por usinas hidrelétricas, por isso, é tão importante a redução no consumo. Desligar aparelhos que não estão sendo usados, apagar a luz, diminuir o uso de ar-condicionado e trocar lâmpadas por outras mais econômicas são atitudes que podem diminuir o consumo de energia. 

 

3 – Separar o lixo 

A destinação correta de resíduos é importante para evitar a poluição do meio ambiente. Separar o lixo orgânico do reciclável é uma maneira simples de garantir a destinação correta de cada produto. É importante lembrar também que pilhas, baterias e outros materiais eletrônicos não podem ser descartados no lixo comum e sim em locais apropriados.

Reciclar um produto é muito melhor para o meio ambiente que fabricar outro, uma vez que economizamos recursos naturais e diminuímos o lixo no planeta.

 

4 – Não joguar lixo nas ruas 

Parece básico, mas é sempre bom reforçar. Jogar lixo nas ruas causa poluição, doenças e também o crescimento dos índices de enchentes. Caso não haja lixeira por perto, guarde o lixo até encontrar um local adequado para o descarte. 

 

5 – Optar por transportes alternativos

Veículos automotores, como carros e motos, liberam muitos poluentes para a atmosfera, por isso, é importante, sempre que possível, optar por transportes alternativos.

Ande a pé ou de bicicleta, além de preservar o meio ambiente também faz bem para a saúde. Outra alternativa é combinar caronas com os amigos, utilizar o transporte público, táxis, aplicativos de transporte para ir ao trabalho e aos momentos de lazer. 

Quando você não está dirigindo o mundo parece mais tranquilo e dá para apreciar melhor a paisagem, as vitrines, as pessoas e tudo o que a cidade oferece.

 

6 – Não comprar animais silvestres 

Alguns animais silvestres são diferentes e apresentam uma beleza incrível. Mas, nem sempre esses animais podem ser comercializados. Quem compra animais sem registro do IBAMA pode ser multado, ou até mesmo preso, além de afetar diretamente a biodiversidade. Não compre animais silvestres, admire a beleza desses animais na natureza. 

 

7 – Usar menos plástico

O uso excessivo de plástico é um problema muito grande e precisa ser controlado para diminuir os impactos no meio ambiente. O plástico tem um processo de decomposição muito lento, quando deixado na natureza leva entre 200 e 400 anos para se decompor.

Além disso, o plástico que chega até os oceanos, mares ou rios é responsável pela alta mortalidade da vida marinha, o que aumenta ainda mais o desequilíbrio desse ecossistema.

Para diminuir o uso evite comprar produtos que sejam vendidos em embalagens e sacolas plásticas, não utilizar canudos, talheres e pratos feitos de plástico, os chamados descartáveis como copos de café e água, nesses casos utilize uma caneca para o cafezinho e uma garrafa para a água. 

É possível também, adotar o hábito de usar sacolas feitas de tecido ou de outros materiais recicláveis de longa duração, para realizar as compras de supermercados, que podem ser reutilizadas inúmeras vezes.

 

Fontes:

https://mundoeducacao.uol.com.br/biologia/10-dicas-importantes-para-preservar-meio-ambiente.htm

https://escolakids.uol.com.br/ciencias/10-maneiras-preservar-meio-ambiente.htm