Coronavírus: invista na sua imunidade e qualidade de vida

Coronavírus: invista na sua imunidade e qualidade de vida

Profissionais de saúde sempre ressaltam que o coronavírus se manifesta de forma diferente no organismo de cada pessoa infectada, gerando desde uma leve gripe até uma pneumonia grave, que pode levar ao óbito.

Em geral, isso está ligado a fatores como idade (maiores de 60 anos) e doenças pré-existentes, sejam crônicas ou autoimunes, pois pessoas com esse perfil a podem apresentar um organismo mais debilitado e com menor imunidade.

Pensando em ajudá-lo a melhorar sua saúde, selecionamos uma série de dicas que ajudam a fortalecer o sistema imunológico.

Ressaltamos que as dicas relacionadas abaixo não servem como tratamento ou imunização ao coronavírus.

 

  1.   Agrião, brócolis, rúcula e couve, além de outros vegetais de cor verde escura, são fonte de ácido fólico. Essa substância auxilia na produção dos glóbulos brancos, agentes de combate de invasores. Eles também têm vitamina A, que protege as mucosas, impedindo a transmissão de doenças.
  2.   Mamão, cenoura, laranja e outros alimentos de coloração amarela e laranja, são ricos em vitamina C, betacaroteno e luteína que agem no sistema nervoso e influenciam diretamente no sistema linfático.
  3.   O alho, usado para temperar quase todos os pratos que ingerimos no dia a dia, protege o coração e melhora o sistema imune, devido a sua quantidade de citocinas pró e anti-inflamatórias. Também é rico em vitaminas A, C e E. Que tal colocar mais uma pitadinha nos seus preparos?
  4.   O inhame é um tubérculo que auxilia na limpeza do sangue e fortalece os gânglios linfáticos, que atuam na defesa do sistema imunológico.
  5.   A vitamina A pode ser encontrada em queijos, gema de ovos e legumes e frutas com coloração laranja, como manga, mamão e cenoura.
  6.   Iogurte e leite fermentado possuem lactobacilos que, além de estimularem o sistema imune, protegem as barreiras intestinais, evitando infecções.
  7.   Acerola, laranja, maracujá, limão e outras frutas cítricas, são ricas em vitamina C, que dá uma carga extra para o sistema imunológico;
  8.   Ovos são ricos em acido fólico e complexo B que ajudam na composição do sangue.
  9.   Oleaginosas, que são as castanhas, nozes e amêndoas, por exemplo, são fonte de magnésio e selênio. Elas também são importante fonte de vitamina E, que age combatendo a diminuição da atividade imunológica.
  10.   Carnes de todos os tipos, especialmente as vermelhas, bem como itens derivados de animais e os frutos do mar, tem uma quantidade importante de zinco.
  11.   Proteínas podem ser encontradas em produtos de origem animal, como carnes, leite e ovos; já veganos e vegetarianos podem buscar proteínas em leguminosas como feijão, soja, ervilha e grão de bico.
  12.   Salmão, peixes e azeites são ricos em ômega 3, um potente antioxidante.
  13.  Tofu e carne de fígado, são ricos em ferro, que aumenta a energia e restauração celular.
  14.   Gengibre é rico em vitaminas C, B6 e tem ação bactericida. Ajuda a tratar inflamações da garganta e auxilia nas defesas do organismo.
  15.   Abacate é fonte de ômega 9, que também é um forte aliado ao sistema imunológico, além de ser uma opção de consumo de gordura boa.
  16.   Hidrate-se. A regra de ingerir ao menos dois litros de água por dia continua valendo. É importante ressaltar que a água funciona como um filtro para o corpo, ajudando a eliminar toxinas através do suor e da urina.
  17.   Tenha hábitos saudáveis. O tabaco e o álcool interferem em componentes responsáveis por estimular as respostas imunológicas, tire-os da sua vida.
  18.   Durma bem, se possível uma média de oito horas por noite, seu corpo precisa descansar para regular as funções e o sistema imunológico.
  19.   Pratique atividades físicas e tome sol. Embora a orientação seja para ficar em casa é preciso não perder esses hábitos, ou mesmo, adquiri-los. Na internet tem material vasto de atividades que podem ser realizadas em casa, para todos os públicos e condicionamentos. O sol é fundamental para acionar a vitamina D do nosso organismo, então, vá até a varanda, ou abra bem a janela e respire ar puro, se expondo ao sol por alguns minutos, cinco ou dez são suficientes.
  20.   Lembre-se também de: ficar em casa; lavar as mãos várias vezes ao dia com água e sabão ou álcool gel 70º; cobrir a boca e nariz com um lenço de papel, quando for tossir ou espirrar, e descartar o lenço logo em seguida; e procurar ajuda médica apenas se tiver com febre, tosse e dificuldade para respirar.

 

Fontes: Revista da Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia; IG (link – Saúde); Saúde; e iBahia.